Desvio de Septo Nasal | Dr. Guilherme Guerra
15495
page-template-default,page,page-id-15495,page-child,parent-pageid-15322,ajax_fade,page_not_loaded,,qode_grid_1200,qode-theme-ver-10.1.1,wpb-js-composer js-comp-ver-5.0.1,vc_responsive
 

Desvio de septo nasal

Desvio de Septo Nasal Florianópolis e São José | Dr. Guilherme Guerra

O septo nasal é uma estrutura ósteo-cartilaginosa recoberta por mucosa e localizada na linha média do nariz, separando as cavidades nasais de cada lado.

Esta estrutura desempenha um papel fundamental nas funções do nariz e seios paranasais e também no formato externo do nariz.

O septo nasal é a separação interna entre as cavidades nasais direita e esquerda. É uma estrutura composta tanto por osso quanto por cartilagem, e desempenha importantes funções, tais como na sustentação do nariz e na dinâmica do fluxo aéreo.

Frequentemente o septo nasal apresenta alguma curvatura ou tortuosidade, o que é definido como desvio de septo nasal, ou desvio septal. Os desvios podem ocorrer devido a traumas ou, mais comumente, originar-se durante a fase de crescimento, devido à superposição entre ossos e cartilagens, formando projeções na sua superfície, tais como esporões septais e cristas septais.

O principal sintoma do desvio de septo é a obstrução nasal, que pode ser apenas do lado do desvio, ou também bilateral, devido a eventual hipertrofia (aumento) compensatória do corneto nasal do outro lado, que encontra “caminho livre” para se dilatar (devido ao fato desta cavidade nasal ser mais ampla, uma vez que o desvio é para o outro lado).

Outros possíveis efeitos indesejáveis dos desvios septais são as sinusites de repetição, pois certos desvios podem se localizar bem próximos às vias de drenagem de alguns seios da face (maxilar e etmoide), além de roncos e apneia do sono.

O tratamento do desvio de septo nasal é a sua correção, pela cirurgia de septoplastia . Entretanto, nem todos os pacientes que apresentam desvio de septo necessitam de cirurgia; normalmente ela é realizada nos casos cujos sintomas impactam na qualidade de vida do paciente.

WhatsApp
Enviar